COE-Bradesco/Contec realiza videoconferência sobre condições de trabalho na pandemia


Videoconferência do COE do Bradesco, Contec, federações e sindicato - Foto: Divulgação - 

A Comissão de Organização dos Emprega¬dos (COE) do Bradesco, juntamente com a Confederação Nacional dos Trabalhadores nas Em¬presas de Crédito (Contec), a Federação dos Bancários do Paraná e seus sindicatos filiados, além de outras federações e sindicatos do País, se reuniram quinta-feira (21), através de vídeoconferência, para debater assuntos pertinentes às condições de trabalho no Bradesco durante a pandemia do coronavírus (Covid-19).

Vários pontos foram discutidos, dentre eles o posicionamento do banco com relação às situações daqueles funcionários do grupo de risco que estão em casa. Informações de como será a logística de testes do Covid-19 nos funcionários em todo o Brasil, qual será o prazo, a distribuição, o que o banco está fazendo para que estes testes possam ser realizados. Foi discutido a importância e urgência destes testes com relação aos dirigentes sindicais do Bradesco, que continuam trabalhando e visitando os colegas bancários nas agências, realizando o trabalho sindical.

As cobranças de metas foi mais um dos assuntos debatidos na reunião. As metas continuam sendo cobradas normalmente. O movimento sindical reivindica que a instituição financeira reveja estas cobranças, que elas sejam melhores discutidas com relação aos excessos, tendo em vista o cenário que todos estão passando.

Outro item discutido na reunião foi a modalidade de trabalho em home office, quando foi pontuado a necessidade de um melhor entendimento, uma regulamentação visando uma melhor forma de controle das horas trabalhadas.

O Programa de retorno ao trabalho voltou a ser discutido, assunto este que já foi debatido em outras reuniões, até mesmo antes da pandemia, e que agora a demanda aumentou ainda mais. Será cobrado do banco posicionamento sobre este as¬sunto, tendo em vista que há muitos funcionários afastados por outros motivos.

Estas e outras reivindicações serão entregues ao banco. Uma videoconferência entre o COE e representantes do Bradesco, acontecerá na próxima semana, quando esta pauta será entregue.

“Estamos cobrando as medidas necessárias para que os trabalhadores do Bradesco possam ter sua saúde e consequentemente de seus familiares resguardadas. Dia a dia vamos nos informando de como estão as condições de trabalho, o ambiente nas agências, se o banco está cumprindo as medidas de saúde e vamos continuar fiscalizando e buscando proteger a saúde e o emprego da categoria”, disse o presidente da Federação dos Bancários do Paraná e coordenador do COE Bradesco/Contec Gladir Basso.


COMPARTILHAR