CORONAVÍRUS: Sindicato de Cascavel pede também a prefeitos da região que determinem o fechamento dos bancos


A exemplo do que fez na última quinta-feira (19), ao prefeito de Cascavel, Leonaldo Paranhos, ontem (23) o Sindicato dos Bancários de Cascavel e Região enviou ofícios aos 23 prefeitos dos municípios que integram a base da entidade de classe na região Oeste do Paraná, solicitando que determinem o imediato fechamento dos bancos nessas cidades.

Vale lembrar que, com relação a Cascavel, o prefeito Leonaldo Paranhos atendeu ao pedido do Sindicato e, no domingo (22), divulgou decreto determinando a suspensão das atividades das agências bancárias da cidade já a partir de ontem (23).

Já no âmbito do Paraná, a Federação dos Bancários do Estado (Feeb-PR) encaminhou ofício ao governador Carlos Massa Ratinho Júnior, na quinta-feira (19), solicitando que seja adotada essa medida no Estado, com o fechamento das instituições financeiras. Até o momento não há decisão do governador sobre o assunto.

OFÍCIOS AOS PREFEITOS
Assinado pelo presidente Gladir Basso, que preside também a Federação da classe no Paraná (Feeb-PR), os ofícios do Sindicato aos 23 prefeitos da região argumentam que, “no desempenho de sua missão institucional de defesa e representação dos trabalhadores do setor financeiro no Estado do Paraná, considerando as medidas tomadas por Vossa Excelência no âmbito da Administração Pública, no sentido de enfrentar a pandemia do coronavírus, e constatando que os bancos são potencialmente ambiente de risco de contágio de clientes e funcionários, devido a frequentes aglomerações de pessoas, expondo a saúde pessoal, familiar e de toda a comunidade, considerando que possuem todas as condições de implantar o teletrabalho e meios alternativos de atendimento aos clientes, requer se digne Vossa Excelência de se valer das prerrogativas do cargo e de seus bons ofícios e persuasão para determinar aos bancos sediados neste município, a imediata suspensão das atividades presenciais e de todo e qualquer serviço que importe em aglomeração de pessoas, pelo período mínimo de 15 (quinze) dias, com posterior avaliação”.

Gladir Basso cita ainda que, “é oportuno lembrar que essa medida, ordenando o encerramento das atividades dos bancos devid à pandemia, já foi adotada em Santa Catarina e no Distrito Federal”.

AS CIDADES
As 23 cidades da base do Sindicato na região, em que a entidade de classe enviou ofícios aos prefeitos pedindo o fechamento dos bancos, são as que seguem: Anahy, Boa Vista da Aparecida, Braganey, Campo Bonito, Cafelândia, Campina da Lagoa, Capitão Leônidas Marques, Catanduvas, Céu Azul, Corbélia, Diamente do Oeste, Guaraniaçu, Ibema, Iguatu, Lindoeste, Matelândia, Nova Cantu, Ramilândia, Santa Lúcia, Santa Tereza do Oeste, Três Barras do Paraná, Ubiratã e Vera Cruz do Oeste. (Fonte: Seeb Cascavel)


COMPARTILHAR