Caixa diz avançar com banco digital e já ter autorização da Sest para abertura


Criado pelo banco para realizar o pagamento do Auxílio Emergencial do governo federal no ano passado, o Caixa Tem atingiu 107 milhões de usuários.

A Caixa Econômica Federal pretende listar as ações de seu braço digital Caixa Tem numa bolsa no exterior entre o final deste ano e o começo de 2022, disse nesta quinta-feira (18) o presidente-executivo do banco estatal, Pedro Guimarães.

"Estamos apenas esperando a aprovação do Banco Central", disse Guimarães a jornalistas durante apresentação sobre os resultados da Caixa Econômica referentes ao quarto trimestre.

Canal criado pelo banco para realizar o pagamento do Auxílio Emergencial do governo federal no ano passado, o Caixa Tem atingiu 107 milhões de usuários, segundo apresentação nesta quinta-feira.

Nova rodada do Auxílio Emergencial: o que já se sabe e o que falta saber
Antes disso, a Caixa já tem duas operações de mercado de capitais em andamento, com a venda de ações que detém no Banco Pan e a listagem de sua unidade de seguros Caixa Seguridade, ambas em análise na Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

"Há interesse enorme do mercado em conhecer a Caixa Seguridade", disse Guimarães em relação ao IPO.

O banco ainda pretende listar na B3 no segundo semestre deste ano outro braço de negócios, o de gestão de recursos de terceiros.

A Caixa pretende usar parte dos recursos com a venda dessas participações para retomar pagamentos ao governo federal de empréstimos tomados na última década sob a forma de Instrumentos Híbridos de Capital (IHCD), disse Guimarães. (Fonte: G1)


COMPARTILHAR